Postagens

Mostrando postagens de Janeiro, 2009

Musicas estranhas, letras esquisitas

Imagem
Como todos sabem, literatura é uma de minhas paixões e considero – estando eu certo ou não - que letra de música também é literatura.
Afinal literatura é: A arte de compor escritos artísticos; o exercício da eloqüência e da poesia; conjunto de produções literárias de um país ou de uma época. Logo...
Mas nem todo letrista pode ser considerado um literato, a senteça contrária também é verdadeira, mas tem quem se sinta.
Tem quem pense que é poeta e que é maior que Drumonnd, Vinícius, Quintana...
Encontrei algumas letras e fui me espantando com a coleção de passagens estranhas e divertidas. Tanto pelas construções e erros quanto pela sonoridade que ganham na melodia e o inusitado do que querem dizer.
Capa do disco da plebe.Um exemplo clássico do caso de má construção da métrica é a canção: “Até Quando esperar” da Plebe Rude que num certo trecho diz: ‘Não é nossa culpa, nascemos já com uma bênÇÂO . Transferindo a tônica para a silaba “ção” dando uma solução para a métrica, mas escangalhando a …

F1 2009 - Previsões de Pai Tião

Imagem
Desempregado.
Mesmo depois da campanha vitoriosa da equipe de Woking ano passado e apesar de ser o pai de santo preferido de nove entre nove equipes da F1, Pai Tião foi dispensado da McLaren. Pai Tião, o mito Logo após Ron Dennis comunicar que estava se afastando da direção esportiva da equipe,
Martin Whitmarsh disse não precisar mais dos serviços de um pai de santo, alegando que Lewis Hamilton parece estar mais centrado e menos estabanado.
O sensitivo prefere dizer que foi demitido por conta da crise mundial financeira.
-Quem foi que disse que a crise não chegou na Mclaren? – Disse ele.
O ebozeiro afirmou estar estudando varias propostas inclusive de outras categorias e que a que mais o indigna veio de Hélio Castronneves.
-Alguém, talvez o Fabio Campos(do Grid GP), tem que dizer a mizinfio Castronneves que eu sou pai de santo e não advogado!
Sobre a saída da Honda afirmou já ter previsto isto a muito tempo.
-Desde que foi criada, zinfios japoneses fazem bons motores, mas é só olhar os Civic …

De saida? Então põe o lixo na calçada por favor...

Imagem
Renault e Toyota ameaçam deixar a F1 em 2010.
Curioso não?
Há quanto tempo a Renault deixou de ser uma equipe vencedora?
E a Toyota quando é que vai ser?
Esqueça os triunfos da equipe francesa ano passado. Foram casuais apesar do enorme talento do asturiano chorão e metrossexual (na nova ortografia).
E diga-se, o ultimo acerto da equipe dos carros horrorosos foi a contratação do ‘sobrancelha’.
Andar atrás no grid é uma péssima forma de marketing e este ano com menos carros, não ganhar corrida pode ser considerado fracasso.
Explico meu ponto de vista.
Ferrari e Mclaren - apesar das novas regras e dos carros de comportamento ainda desconhecido - não deixarão de ser as equipes da ponta e da ponta. Com estas provavelmente não haverá luta direta.
A BMW é a que parece ter feito melhores investimentos, melhores pesquisas e – à exceção de Alonso – o melhor piloto: Robert ‘nose’ Kubica.
Talvez pau a pau com Sebastian Vettel.
Então o que sobra?
Williams que é um time na acepção da palavra e tem um orçament…

São Paulo, 455 anos.

Imagem
Todos reconhecendo o belo como belo, eis o feio.
Todos reconhecendo o bem como bem, eis o mal.

Quando Lao Tsé cunhou esta frase ainda não havia a cidade de São Paulo, mas se existisse provavelmente o sábio estaria morando nela. No bairro oriental da Liberdade e com casa de negócios na região da Rua 25 de Março, lá bem pertinho do Mercado Municipal. Muito provavelmente também seria torcedor do Corinthians ou do Palmeiras. Então nas tardes de Domingo iria se divertir assistindo ao futebol. No simpático Pacaembu, templo do futebol paulista por onde desfilaram sua arte, glória e elegância nomes como o "tigre" Friedenreich; Baltazar, o "cabecinha de ouro"; o "divino" Ademir da Guia; o "príncipe" Enéas e o "rei" Pelé. Só para colocar um de cada grande time. Se não gostasse de futebol ainda teria um monte de outros esportes para ir ver.
E em um fim de semana por ano, a cidade se transforma na capital mundial da velocidade, afinal tem a melhor pi…

O Dia em que a musica morreu, ou quase isto

Imagem
Nem se trata de ser ou não a melhor musica de Gilberto Gil. Sua obra é muito vasta para ser definida em uma só canção ou disco.
Eis aqui a continuação do texto “The day the music died”.
Não, não estou louco. Gil não morreu e nem a canção marcou inicio ou fim de nada. Apenas tem o mesmo numero ou mais de citações de um período quanto “American pie” de Don Mclean. Com a vantagem de não ter ficado tão emblemática quanto a canção do americano em sua carreira.
Gil teve vida depois desta canção, já Mclean...
O texto anterior dizia do fim da ingenuidade dos jovens americanos, que muitos associam ao acidente que matou os três jovens rockers. Mclean captou as mudanças que vieram nos anos seguintes ao acontecido e fez sua obra prima.
Já no Brasil não tivemos um acontecimento nem parecido. A juventude brasileira e sua musica, não caminha sobre mortes, mas evoluções.
Não houve uma morte de artista, seja ele qual for ou de qual gênero seja capaz de mudar a cabeça ou opinião da juventude brasileira.
Não …

Imprevisto, aqui me tens de regresso...

Imagem
O imprevisto voltou!
Ao menos é a impressão que se tem ao ler os relatos dos testes livres realizados na terra do Speeder e do Roberto Leal.
Tivemos de tudo: Problemas técnicos na Mclata de Lewis Hamilton, provavelmente provenientes daquela engenhoca que atende pelo nome de kers. Principio de incêndio na Toyota de Timo Glock. Burn Toyota, burn.
E até o Horrivelnault de Nelsinho Piquet acabou voltando para a garagem em cima de um caminhão de resgate.
E acreditem, esta volta do imprevisto e quem sabe das quebras em corridas será muito bem vindo.
Problemas mecânicos ocorrem desde a primeira corrida realizada fazendo parte delas tanto quanto a gasolina, os pneus, os pilotos, os acidentes do David Culthard e a choradeira do Rubinho, ainda que para isto tenhamos perdido também uma equipe no grid.
Bem, este ano nos livramos do Coulthard e ao que parece até agora também do Barrica, só falta nos livrarmos da confiabilidade excessiva dos carros.
Nos últimos anos, os carros tem sido de uma confiabilid…

Ô ô, Obama é melhor que o Etô (texto sério)

Imagem
Foi um dia histórico? Sim.
Para toda a humanidade? Talvez.
O fato de um negro assumir a presidência de um país, mesmo sendo os E.U.A deveria ser menos importante do que saber se ele é de bem, honesto, digno, sincero e bem intencionado.
Se tiver estas qualidades e mais inteligência; bom senso; capacidade de administrar; ser capaz de manter o dialogo nacional e internacional em níveis altos e prósperos então ele poderia até ser verde ou azul calcinha que não faria diferença alguma.
Mas a verdade é que as palavras de Barack Hussein Obama ditas em vinte minutos de discurso ontem à frente de cerca de dois milhões de pessoas foi um discurso para americanos. E o 'oba oba' da imprensa mundial que acabou por contagiar os povos do mundo tem um ‘q’ de exagero. Preste atenção nestes trechos:
"-Nossa economia está bastante enfraquecida em conseqüência da ganância e irresponsabilidade por parte de alguns."
"-(Nossos desafios) não serão vencidos facilmente, mas saiba disso América: …

O belo e a aberração, por Barack Obama

Imagem
O presidente eleito Barack Obama acaba de tomar posse no Capitólio.
Agora era hora de falar a nação. Todos esperam por isto.
A carga de esperança que vem atrelada ao novo governo é imensa.
O povo americano aguarda o desenrolar dos acontecimentos e mais ansiosamente ainda o primeiro discurso como presidente de fato.
Obama assina o livro de posse. Recebe a faixa presidencial. É saudado e aplaudido. Finalmente vai ao púlpito para falar ao mundo.
Sim, porque o mundo estará de olho nele a partir de agora.
Silencio. Todos olham fixamente, seja para a figura de Barack – para quem esta lá – ou para as telas de t.v.ao redor do mundo.
Ele vai falar: -Americanos, fui eleito por esta nação para dizer sempre a verdade. A verdade vai nos libertar. A liberdade vai nos manter unidos. A união nos fortalecerá. E fortes continuaremos ditando os rumos do mundo.
Mesmo preocupado com o futuro, eu digo, é dia de festejar.
Festejar sim, americanos. Festejar que Frank Williams finalmente mostrou ao mundo como se faz u…

Saturday night fever.

Imagem
Segue-se o relato do encontro do pessoal do Forum Velocidade ( Fove) ao qual eu deveria ter participado, mas...

E foi um encontro memorável!
Já eram mais de seis da tarde quanto toca meu celular: -Alô! -Ron?
-Isto, quem fala?
-É o Buck?
-Fala vagabundo... Que manda?
-Cê vem né?
-Num vou... Tá chovendo, é muito ruim sair daqui quando tá chovendo.
A voz no tel muda.
-Ron? É o Felipe... Vem mano, vai ser mó bom. O Diogo tá chegando...
-Pô Felipe, não dá. Tá chovendo muito.
-Mas e se parar de chover? Eu tenho uns manos aí da região se parar de chover eu vou saber... Se parar de chover cê vem né?
-Vou. Se parar de chover eu vou.
Não parou... Mas 45 minutos depois o celular toca de novo.
-Ron?
-Eu! Quem fala?
-É o Diogo... Cê não vai vir... Cê é maior furão!
Diogo (DFS), e Felipe.-Eu avisei que se estivesse chovendo eu não ia. E não parou de chover.
-Poxa, quando eu saí do Jabaquara tava maior chuva. Agora já parou. Tá saindo até sol!
Detalhe: Eram mais de sete da noite. Não sei onde ele arrumou sol. Deve …

Dois tempos

Imagem
1º tempo
Um dia ele ganha.
Não importa quantas vezes briguem com ele e nem quantas vezes consigam vencê-lo. Um dia ele vai ganhar.
O natural do avião é cair. Os que chegam no destino é que são a exceção, mesmo que as estatísticas digam o contrário.
E quando o avião ganha geralmente é de forma definitiva.
Aviões são particularmente uma idéia de jerico.
Um cilindro de aço muito, mas muito mais pesado que o ar. Com as asas cheias de combustível e que funciona com motores a explosão e turbinas.
Não pode dar certo. Tenho total e irrestrita desconfiança de que só voam porque ninguém ainda conseguiu convence-los de que não podem. De que não é possível. E temo o dia em que todas as aeronaves tomarem consciência disto nunca mais decolarão, ou cairão como chuva.
Porém o ocorrido em Nova Yorque foi algo memorável, fantástico e porque não usar uma palavra surrada por toda a imprensa mundial desde então: miraculoso!
Uma conjunção de fatores interligados – sorte, sangue frio, condições favoráveis e mais sor…

Notinha do busão - Expectativas do Zé Pequeno para F1 2009

Imagem
Ao embarcar no coletivo pilotado pelo velho amigo Zé Pequeno fui logo sendo inquirido sobre o que achei da nova Ferrari, a F60.
-Putz, Amaral, eu não achei nada não. Ele ainda vai ter uma porrada de testes até a estréia na Austrália e provavelmente vão mudar algumas coisas ainda. Mas não achei feio e nem bonito.
Zé Pequeno me olhou com um ar de decepção.
-Eu achei que cê ia detonar os novos bigodes e aerofólios...
-Nem dá... Todos vão usar e vão ser mais ou menos parecidos.
Zé, que ainda não tinha posto o ônibus em movimento virou-se no banco do motorista e continuou falando. Ainda havia gente entrando no coletivo e o cobrador não conseguia fazer a fila andar com velocidade. Mas andava.
-Este ano tem um monte de novidade né? – Continuou ele.
-É... No regulamento técnico principalmente. Esportivamente acho que não mudou nada.
-Lembra 94 quando também mudaram um monte de coisas. Foi uma loucura... Piloto morto, mutreta daquele louco que era chefe da Benetton...
-Briatore, hoje ele é chefe na Re…

Uns iguais aos outros

Imagem
Faz-se necessário que alguém com influência e bom senso lembre ao governo de Israel que não faz tanto tempo assim existiu um sujeito louco, com bigodinho ridículo que promoveu a maior caça a um povo que este planeta já viu. Matando milhões deles covardemente, e os que não estavam presos em campos de concentração ou mortos organizavam-se em guerrilhas para tentar resistir.
Faz-se necessário, pois parecem ter esquecido da dor, do horror e da tristeza por qual seu povo passou.
E do sentimento que este fato trouxe ao mundo tão logo foi divulgado.
Esqueceram, ou não aprenderam nada com tudo aquilo.
Por uma Palestina livre e soberana.
Que assim também Israel terá paz...

Titãs - Uns iguais aos outros

Os homens são todos iguais
Ingleses, indianos
Africanos contra africanos
Aos humildes o reino dos céus
Ao povo alemão e ao de Israel
Putas, ladrões e aidéticos
Católicos e evangélicos
Todos os homens são iguais
Brancos, pretos e orientais
Todos são filhos de Deus
Os pretos são os judeus
Cristãos e protestantes
K…

A terceira

Imagem
As crônicas do Nardo.



Feliz foi Adão...



-Despachante e corretora bom dia.
-Alô... Cês já estão aí?
-Bem... Atendi ao telefone, então quer dizer que já estou aqui né?
-Não sei...
-Bom... Pois não?
Não eram nem nove horas da manhã ainda e o dia prometia. Já haviam sido feito oito processos para transferência de propriedade de veiculo e nada mais, nada menos que sete estavam errados. Dois telefonemas haviam sido enganos. Um foi trote e um outro era cobrança da telefônica por uma conta paga de seis meses atrás.
A luz dentro do aquário onde trabalhávamos - quem leu as outras crônicas sabe – é bem pouca, o que nos ajudava era um pouco da luz solar refletida no vidro canelado. Não que trabalhássemos nas trevas, mas se procurássemos bem nos cantos do imóvel acharíamos alguns morcegos parentes do Batman.
De repente a luz solar se foi. Não era eclipse, nem tampouco o céu escurecendo para uma tempestade.
O cheiro da fumaça de diesel impregna o ar e as roupas.
Na porta surge um sujeito baixinho, forte para …

The day the music died.

Imagem
Tudo é conjectura. Tudo é suposição.
Mas tanto a carreira Buddy Holly quanto as de Richie Valens e Big Bopper talvez não fossem tão celebres se não tivessem sido abortadas ainda efervescendo.
Ok, claro que para muitos, inclusive mercadologicamente Richie Valens equivalesse a um Elvis hispânico. Pegou os caminhos do rock´n’roll e os temperou com as influências do folclore mexicano. Assim como o Rei levou a musica negra (rock era considerado race music, musica feita por negros e para negros, como o jazz dos anos 30) ao publico branco e racista dos Eua. Valens levou o rock´n´roll ao povo mexicano.
Mas do que tratarei aqui é de como o rock e o mundo mudaram após o dia 03/02/1959. O dia em que a musica morreu.
Suas músicas – de Buddy, Ritchie e Booper - eram dançantes e/ou românticas. Valens tinha a questão latina, mas ainda assim era mais diversão que conscientização.
Então, quando o avião que viajavam bateu numa montanha devido a uma tempestade e tragicamente ceifou a vida dos três foi como …

Grooniadas F1 de inicio de ano - Coisas estranhas

Imagem
Os sinos do vaticano badalaram.
Por alguns minutos Iraquianos e Americanos não se atacaram.
Os italianos que discutiam enquanto comiam seu macarrão tradicional deram vivas.
Houve confraternização entre diversos povos ao redor da terra.
O povo fã de automobilismo ficou feliz, afinal Ralf Schumacher se aposentou.
O estranho é que só ele pensava que ainda estava em atividade.
O resto do mundo tinha certeza de que ele já tinha pendurado o capacete. Há muito tempo...
Agora o Dakar fica bem pertinho do deserto do Atacama.
É possível ir a Paris passando por Santiago e Buenos Aires.
E no fim do ano o nosso Rally dos Sertões será em Roma.
Só para equilibrar as coisas.
O jornal espanhol “AS” já colocou Fernando Alonso ao menos vinte vezes no cockpit da Ferrari.
Agora colocou também o Vettel junto.
Deve ser muito difícil para o periódico espanhol ficar noticiando: “Alonso faz corrida maravilhosa e chega em quinto!”.
Ou então: “Todos quebram, Alonso vence!”.
Cansaram e agora querem melhorar as manchetes de F1.…

Não inflói, nem contribói

Imagem
A língua é uma das maiores riquezas de um povo, o mais profundo indicador de sua identidade.
Somos brasileiros e falamos Português.
É uma língua difícil – tão difícil quanto bela, diga-se – e é a sexta língua mais falada no mundo. Com diferenças profundas entre os diversos povos que a usam. E não é só questão de sotaque, não...
Diferente nas expressões, no uso de muitas palavras e sintaxes. E assim o é também naqueles países africanos que também foram colonizados por Portugal e por conseqüência também falam e escrevem em um idioma parecido com o nosso, mas muito mais assemelhado com o que se fala e escreve em Portugal. Parecido.
Não fomos consultados, mas e daí? Quase nunca somos e em assuntos de maior relevância até...
Não quiseram saber nossa opinião como se não fossemos os maiores interessados no assunto.
Mas... Por quê desta reforma ortográfica?
Para dar uma homogeneizada na forma como se escreve.
Mas, se for para isto porque não os enquadra-los na língua tal e qual os brasileiros escreve…