Postagens

Mostrando postagens de Novembro, 2009

É, será e foi bonito de se ver

Imagem
Tem coisas que realmente valem à pena ser vistas...
Uma delas é o Desafio das Estrelas que Felipe Massa vem promovendo há alguns anos e que sempre trás grandes nomes para pilotar os karts.

É bonito ver homens feitos, esportistas vencedores – que todos em maior ou menor escala são – brincando feito crianças e passando a imagem – real – de que estão se divertindo muito.

Também nós nos divertimos muito vendo aqueles carrinhos ultrapassando uns aos outros, dando pequenos totózinhos, andando de lado...
Melhor ainda foi matar a saudade de ver aquele capacete vermelho com as estrelas no cocuruto novamente. E ganhando.
Matar a saudade de vê-lo ultrapassando um monte de gente, inclusive aquele que ficou conhecido por ter sido o seu mais perfeito partner.
Confesso que me levantei e vibrei como nos velhos tempos...

Outra será ver é a corrida da Indy em São Paulo.
Não que eu torcesse para que a prova de abertura do ano que vem fosse em Sampa, mas fiquei feliz.
Vai afirmar a cidade como capital nacional do…

Cassetes, Queen, juventude enfim...

Imagem
Esta história passa-se lá nos idos de 1986...

-Cara, cê precisa ouvir isto...
-Que é?
-Uma fita cassete que meu tio me emprestou, tem umas músicas muito loucas...
-Pô! Coloca ai então...
-Pode por você mesmo, eu vou pegar uma tubaína...

Muita gente hoje em dia não sabe, mas antigamente – tô ficando velho – gravávamos as nossas musicas prediletas em fitas cassete.
Quase como fazemos hoje com nossos MP3 players, mas ao invés de procurar na internet os arquivos para baixar, procurávamos nossos amigos que tinham os discos.
Ficava mais barato, mas muito mais barato que comprar o disco de vinil ou a sua versão em cassete oficial.
E como copiávamos...
Tenho um camarada que até hoje tem guardado em casa todos os álbuns dos Beatles gravados nestas fitinhas magnéticas, com as capinhas que ele mesmo bolava e fazia artesanalmente. Ali... Na raça, por que também não tínhamos computadores com programas que num clique e um copiar e colar faz tudo por nós...
Outros tempos.

-Véi... Já coloquei, mas ta demorando p…

Comunicado da Mercedes GP

Imagem
Este comunicado tem por destino fazer saber a todos os fãs de automobilismo e principalmente de F1 ao redor do mundo que as “Flechas de prata” voltaram.Sim...
A Mercedes, maior montadora de carros da Alemanha conta novamente com uma equipe própria de F1!
Como nos tempos gloriosos dos GP´s em que tínhamos nomes como: Bernd Rosemayer, Rudolph Caracciola dentre outros.

Houve quem visse em nossa parceria/sociedade com a Mclaren um oportunismo que sinceramente nunca tivemos.
Houve quem visse nossos esforços em nos manter competindo, apesar da crise, com desconfiança e até descaso.

Se lá estávamos é porque acreditávamos no trabalho da equipe de Woking, nos seus profissionais.
Desde o mais humilde funcionário da limpeza até o mais graduado dos engenheiros.
Do senhor Brian do café, até o Ron Dennis, que em seus piores dias fazia o nosso Norbert Haug servir o café no lugar do Brian... Coisas de inglês... Presume-se. A eles nossos melhores agradecimentos e claro: até logo, um abração!

Mas agora compram…

Harvest moon

Imagem
De pé, em baixo da janela de um sobrado, segurava o violão esperando alguma reação.
Não houve aplausos nem vaias e nem jogaram coisas neles.
Digo neles porque Anselmo não estava sozinho.
Junto dele estava Ron, parceiro nas reportagens malucas, segurando vassourinhas que usou à guisa de baquetas em uma pequena bateria muito usada para tocar jazz.
Tão pequena que parecia infantil... Naquela tarde, Coyote passou pelo hotel onde Ron morava em uma das transversais da Rua 45 com seu Studebacker. Ajudou a embarcar o kit de bateria e seguiram para fora do centro da cidade, para um bairro afastado onde todas as casas são – por força de contrato – iguais.

-Tem certeza de que é aqui? – pergunta Ron olhado para a janela da casa.
-Certeza, certeza eu não tenho... Mas o pior que pode acontecer é alguém xingar a gente.
-Ou jogar água; ou tomates; ou ovos; ou chamar a policia; ou sair atirando com uma espingarda; ou ainda...
-Já entendi... Pessimista.

Arrumam o pequeno kit da melhor forma possível levando em …

S.E.P. Sindrome do emputecimento progressivo

Imagem
As causas, bem como as origens, são desconhecidas.
Porém não se engane, a Síndrome do Emputecimento Progressivo é real e afeta a todos - em maior ou menor escala - em algum período da vida.
Manifesta-se de forma completamente aleatória e sem avisos prévios.
Não há sintomas que facilitem sua identificação e só é possível detectar sua presença quando se manifesta. Então já é tarde demais. Salve-se quem puder. Veja um exemplo:
Um suspeito de portar a síndrome, observado em seu cotidiano teve reações estranhas a fatos rotineiros.
Acompanhe.
Pela manhã o rapaz passa por um simpático vendedor de zona azul que lhe pergunta sempre a mesma coisa:
-Será que chove hoje?
E quase sempre a resposta é:
-É possível... O tempo anda meio louco.
Já sob a influencia da síndrome a resposta foi:
-E eu vou saber c**lho! Eu lá tenho cara de repórter do tempo?
Atitude que é vista apenas como falta de educação, mas demonstra o inicio do distúrbio de humor.
Tende-se a pensar que a grosserias se dão por conta de algum problem…

Nem a Mercedes liga para o Button

Imagem
Quando Nick Fry – que nunca foi lá muito sensato ou útil - foi à imprensa dizer que Button tinha sido “o traíra” por não ter aceito o que lhe foi oferecido, foi dizer o que a empresa lhe mandou dizer, dar uma desculpinha... Acabou mostrando mais do que queria mostrar... A Mercedes não correria o risco de admitir que dispensou o campeão do mundo para – no caso de - não ter um carro bom para o ano seguinte ter de responder a pergunta: “E se Button ainda estivesse lá?”
E também não queimaria o nome Jenson Button quando este está em alta, até por uma questão de gratidão, mas não o queria lá.

Jenson Button então foi bater às portas da Mclata e se oferecer para ficar com a vaga de Kovalainen.
Curiosamente por um salário menor do que tinha na antiga Brawn. E que até onde se sabe era menor do que o do finlandês de Woking.
Estranho...
O cara bate o pé por aumento de salário na equipe em que estava e pela qual foi campeão do mundo e de uma hora para outra aceita um contrato com menos dinheiro para c…

Entrevista com Kimi Raikkonen

Imagem
-Olá Kimi... Primeiro muito obrigado por conceder esta entrevista...
-Por nada, eu quero desmistificar algumas coisas falam sobre mim...
-É?
-Claro... Ce acha que eu gosto de ser visto como homem de gelo?
-Mas é uma referencia a seu temperamento frio, não?
-Quem dera... É mais uma maldade, tipo... Quando esquenta, ele derrete.
-Putz! Eu nunca tinha pensado nisto. Mas seria legal se fosse de gelo mesmo, né?
-Opa! Imagina só... Na minha mão a bebida nunca esquentaria...
-Tava falando do temperamento.
-Eu não ligo para isto. -Bem, o que você pensa do Alonso estar agora no seu carro?
-Sinceramente?
-Óbvio!
-Eu não ligo... Problema dele.
-Mas dizem que ele é um dos melhores...
-É... Claro. Veja este ano... A Ferrari era horrível, e eu ganhei uma corrida.
-E daí?
-A Renault era horrível e...
-Já entendi.

-O que deu errado com as negociações com a Mclaren?
-A imprensa brasileira atrapalhou.
-Como?
-O Whitmarsh pensou que o tal ano sabático queria dizer que eu iria correr só nos sábados...
-Hehehe, realmente, abus…

Conto de fadas moderno ou A Brawn borralheira.

Imagem
A madrasta não permitiu que a princesa - que nem era tão bela assim - participasse do baile naquele ano.
A princesa - que não era bela - então viveu tempos de agonia e incerteza à espera de um milagre... Então uma fada madrinha, meio vesga e com cara de cearense aparece. Na verdade é um fado padrinho, ainda que isto soe como musica portuguesa...
Ele -o fado - já conhecia a princesa, que no fundo era até bem feinha, e prometeu que: se a madrasta lhe permitisse leva-la ao baile, faria dela uma princesa linda e desejada pelos príncipes...

A madrasta não duvidou da capacidade do fado padrinho (não parece coisa do Roberto Leal?), mas também não acreditou de pronto.
Até permitiu que ele levasse a horrorosinha ao baile, mas por sua conta e risco. Nem o nome da madrasta eles poderiam usar.
Só o antigo endereço.

O fado (o bate o pé, bate o pé, bate o pé) então deu um jeito e fez seu pequeno milagre particular. Deu a ela seu próprio nome e trocou seu coração por um de origem alemã.
Estrelado e pratead…

Cartinha do Papai Noel a um piloto amigo nosso...

Imagem
-Ó o carteiro!
Aquele grito fez com que o habitante da casa deixasse seu merecido descanso depois de um ano duro de trabalho e fosse até a caixa do correio.
Lá encontra de uma dezena de cartas, algumas contas, prospectos de pizzaria, a restituição do imposto de renda - segundo lote - e uma carta com remetente da Lapônia.

Entrou em seu escritório e sentou-se em sua escrivaninha. A principio estranhou, mas ainda assim resolveu abrir e ler o conteúdo:-Quando recebi sua carta no natal passado me comovi, não tinha como não me comover. Você se lembra?
Dizia que estava cansado... Que precisava de um bom ano para poder se aposentar. Que não era justo que depois de tantos anos de serviços prestados à causa deste esporte acabasse a carreira em um carro mequetrefe. Que só lhe deu alguns pontos por sorte.
Sorte – ou falta de - aliás, é outra coisa de que reclamou muito em sua carta.
Seus desejos me pareceram justos, para que você se lembre melhor vou listar alguns aqui.
(Bendito ctrl-c/ctrl-v...).


*Gost…

Post it da F1

Imagem
Descobri um aplicativo que gruda na tela do computador uma folhinha tipo post it...
Na descrição do negócio diz que é como um bloco para pequenos lembretes e eu achei uma maravilha!
Viciei.
Depois vi que também tem no meu celular e agora vivo colando “papelzinho” sobre um monte de assuntos, desde idéias para contos, até noticias que acho que deveria ler melhor mais tarde, para entender algumas das coisas que estão acontecendo na F1.
Às vezes, quase sempre, serve para as duas coisas...
Só tem um problema, às vezes anoto pela manhã e quando vou rever as notinhas, geralmente já a noite, não consigo recordar o porquê está escrito daquela forma... Tenho que ficar tentando adivinhar.

Este estava no PC da sala: F1 sem sapato.
Que coisa não?
Primeiro fiquei na duvida do porque tinha anotado aquilo... Depois me lembrei que não só os nicômicos que correm debandaram da F1, mas também os que fornecem pneus se foram.
Não é a primeira vez que uma fabrica de pneus deixa o circo, e não vai ser a ultima.
A dife…

Burning down the house

O cara acordou pela manhã e ligou para o “amigo”, queria saber se para aquele dia estaria tudo certo.Do outro lado da linha telefônica o “amigo” disse que tudo estava em ordem. Se encontrariam então na faculdade.
-Não vai esquecer de levar as camisinhas viu?
-Não esqueço, tesão! Sala três do curso de administração de empresas.
-Fechado...

Mais tarde, já quase à hora do almoço, um grupo de ativistas lésbicas se reúne para conversar sobre as “gostosas da facul”:
-Se dessem bola eu pegava!
-Pô! Sem duvida! As mina lá todas com aqueles corpão... Provocando...
-Benza Deus! Mas aí não é só você não, qualquer uma daqui pegava as patricinhas lá.
-É... Mas para este bando de galinhazinhas a gente é só um bando de sapatas...

Já no Campus, uma turma de mulheres feias se retorcia de inveja das mais bonitinhas que atraiam a atenção dos meninos.
-Bando de vacas...
-E não é? Pior que tudo que elas vestem acaba ficando bem. O que elas têm que nós não temos?

E na lanchonete dentro da instituição alguns alunos que…

Maionese - epilogo.

Imagem
Mal entram em casa e já abrem a primeira garrafa do vinho, um merlot, enquanto colocam as outras na geladeira para mais tarde.
O conteúdo da garrafa foi sorvido em pequenos goles, mas rapidamente enquanto cozinhavam as batatas.
Abriram a garrafa do riesling quase devidamente gelado enquanto cozinhavam as cenouras.

-Por que não cozinhamos as cenouras e batatas juntas?
-É... Verdade! Será que poderíamos ter posto os ovos juntos?
-Acho que sim... Com casca ou sem?
-Sei lá... Pode até ser, mas não teríamos desculpas aceitáveis pra tomar os vinhos.. (risos).
-Perfeitamente, mais uma taça deste vinho branco dos deuses.... Saúde!

Algum tempo depois os legumes estão cozidos, devidamente picados e misturados uns aos outros em uma travessa grande.
Então tem lugar o dialogo que abre este texto, e continua...

-Põe o creme de leite então... – ela recomenda.
-Agora está aqui... Mistura tudo. – ele acata.
-A maionese também...
-É... Põe logo... Cadê o cheiro verde?
-Ih esquecemos esta coisa... Se bem que nem sei …

Maionese - parte 1

Imagem
-Vai por creme de leite? – pergunta ela.
-Acho que não, vê ai na receita... – ele diz.
-Legumes, creme de leite, cheiro verde e maionese! Tem sim...
-Maionese? Mas não estamos fazendo maionese? Como vamos por maionese se estamos fazendo uma?
-Olha amor, eu não sei... Tá aqui e é só isto... Faz ai.
-Cê vai comer né?
-Faz ai... Depois a gente vê.

A maionese era para o almoço do domingão.
Um churrasco familiar e esta seria sua contribuição.
-Cozinhar é como alquimia! - dizia sempre. Mas só sabia mesmo fazer miojo, e olha lá!
Cansou-se de ser olhado de viés nos almoços em família. Nunca levava nada.
Desta vez resolveu que contribuiria, nem que fosse com algo extremamente simples.

No sábado foi a uma livraria no centro da cidade e durante horas escolheu entre livros de culinária.
Volumes enormes e pequenas brochuras empilhadas à mesa que usou na loja junto à meia dezena de xícaras de café.
Não fumava, mas em compensação o cinzeiro estava atulhado de papeis de bala e chiclete e por fim acabou levando um …

1B, a censura branca e o contra ataque

Imagem
1B ganhou os processos contra o Google, por conta e comunidades – que ele diz – que são ofensivas.
Ok! Aquelas que têm o singelo nome de “Odeio” isto ou aquilo realmente são desnecessárias, como também são os fakes, já que para dizer besteira e fazer papelão o nosso bravo 1B se vira muito bem sozinho...
Mas as que carregam na ironia fina e no bom humor como: “Rubens Barrichello pilota o orkut” ou “A pressa é inimiga do Rubinho” são legais. Sinceramente não entendo o cara.
Criou um perfil no –para mim odioso – Twiter e abriu (ops!) de um canal de contato direto com o público que serviu para minar – em parte – as idéias pré concebidas de quem assisti apenas o resumo das corridas e acha que entende da coisa toda.
Ponto para ele.

Agora vem com esta?
Isto cheira mais a cerceamento da liberdade de expressão e policiamento barato vindo de sua assessoria de marketing que deve ter se sentido muito mal em ver que a agência de propaganda que cuida da conta da cervejaria Itaipava usou apenas a imagem d…

Um pouco de mentira inocente

Imagem
A história me contada por um amigo de Minas Gerais, vou declinar de grafar aqui o nome a não ser, claro, que ele autorize.
Antes que eu me esqueça, devo dize que ele tem mania de aumentar um pouquinho as coisas em suas histórias, mas não muito.

Conta ele que em uma viagem de férias – sozinho - ao Pantanal Matogrossense para uma pescaria, após horas de tentativas sem nem sentir o anzol ser beliscado, resolveu fazer um pequeno churrasco.
Foi até o cercadinho onde – segundo ele – estariam os três bois que trouxe de sua fazenda para a ocasião... Para o caso de não pescar nada, entende?

Notou que só haviam dois bois confinados.
“-Mas o que é um boizinho?”. – disse ele, ainda tinha dois e iria fazer churrasco de um deles de qualquer forma...
E assim foi.
Lá pelas tantas, enfadado de tentar pescar e de estomago cheio com o “petisquinho”, pegou um pedaço de carne e iscou no anzol, só de farra. Atirou ao rio preso por uma linha grossa para pesca de peixes grandes.
Tomou um susto quando sentiu que com …

Jeito de corpo

Imagem
Este texto é uma espécie de homenagem a um amigo muito querido, que me contou dia destes que vai ser papai de novo. Se ele autorizar, eu ponho o nome dele por aqui...

Então eles se descobriram grávidos, e de três meses.
No inicio ela estranhou a ausência das regras, mas no fundo dava graças a Deus por não ter aquele incomodo período.
No primeiro mês ela estranhou, mas: “-Tudo bem nunca fui muito regulada mesmo!”.
No segundo já achou melhor procurar um médico, mas não foi.
Os afazeres – muitos – do dia a dia e o trabalho consumiam quase todo o tempo, sobrando muito pouco dele para dar atenção ao filho e ao marido, que também andava atarefado com o novo negócio que montara e ao menos – graças a Deus – estava prosperando.
Já no terceiro mês a preocupação bateu à porta com força, sabe-se lá o que poderia ser se não fosse uma gravidez?

Fez o teste da farmácia - aquele do xixi – e o negócio reagiu positivamente.
Ele, cético que só, ainda tentou argumentar e chegou até sugerir que fizesse de novo.

-M…

Lira dos vinte anos

Imagem
Vinte anos da queda do muro de Berlin...
Um das mais simbólicas e expressivas passagens do século passado completa vinte anos e isto pode gerar duas reações:
A) Puxa como o tempo passa!
B) C***io! Eu nem era nascido!

Em qualquer uma das duas, é claro, tem mais é que comemorar mesmo, afinal aquele monumento à tirania não servia apenas para separar a cidade de Berlin, a Alemanha ou mesmo a Europa em capitalista e comunista.
Servia para separar vidas e expor a intolerância daqueles que não conseguem aceitar que o diferente tem de existir para garantir o equilíbrio e que em casos de ideologia ninguém nunca vai ter razão.

Porém, graças a Jeová, Alah ou qualquer outro nome pelo qual se clame ao Criador, ao menos aquele símbolo pavoroso sumiu do mapa, deixando apenas a triste lembrança de sua existência e das atrocidades que ele representava.
E que ninguém esqueça, para que nunca mais se repita.

Porém um outro muro ainda não foi derrubado e nem dá mostras de que suas fundações um dia irão ceder.
E es…

Quando o stress fala mais alto III - O fitoterapico

Imagem
Em outras duas ocasiões contei aqui sobre umas situações vividas com um personagem sem nome, sem rosto, com teimosia e temperamento forte e explosivo que vivia dias de cão nas histórias.
Dei a estes contos o titulo de “quando o stress fala mais alto um e dois”, Quem leu se lembra bem que ele transformou um serviço de atendimento ao cliente por telefone num suplicio e teve dificuldades monstruosas para conseguir fazer uma simples troca de um sifão da pia da cozinha.
Agora este personagem está de volta.
Continua sem rosto, sem nome e seus dias continuam desastrosos e ainda por cima anda com problemas circulatórios.

Nem é nada muito sério, mas causam desconforto como dores nos membros inferiores, dormências regulares, enfim...
No consultório médico ouviu a mesma conversa sobre perder peso, deixar de ser sedentário e praticar atividades físicas leves ao menos, já que sua silhueta desaconselhava qualquer esporte mais radical como futebol de fim de semana, por exemplo.
E sem demora: controlar o s…

A fuga dos nicômicos (japoneses piadistas)

Imagem
Estes japoneses são uns piadistas..
Vivem fazendo graça na F1, seja com equipes que não fazem nada de bom, apesar da grana que gastam, seja com pilotos – japoneses ou não – sem muita expressão, mas quando anunciam que vão parar de fazer papel de palhaços com o dinheiro de suas empresas, choram. Não me causou estranheza ver a Toyota seguir os passos da Honda e abandonar o barco da F1.
Se olharmos bem, a situação é idêntica até: muita grana jogada no ralo e pouco ou nenhum resultado.
A culpa mais uma vez vai recair sobre a malfadada “crise econômica mundial” que, aliás, já deu uma abrandada, mas ao que parece não pros lados do país do sol nascente.

Vamos por ordem de saída.
Primeiro a Honda fechou sua equipe B, a Super Aguri, simpática equipe de fundo de quintal que contava com motores e ajuda financeira.
Quando a coisa apertou – de verdade – a Honda avisou que não injetaria mais um centavo na equipe de Aguri Suzuki e nem forneceria mais seus motores, que naquela época já eram umas verdadeiras…

Drops variados

Imagem
Não...
Não foi uma temporada atípica, pelo contrário. Foi tudo que muito fã de F1 pediu a Deus durante muito tempo.
Este ano tivemos o domínio total e irrestrito dos garageiros.
Você não leu mal não... Os garageiros mandaram na temporada como muitos de nós sempre quisemos que acontecesse. E nem por isto ficamos felizes e contentes, dá para entender?

A Williams anunciou sua dupla de pilotos para 2010.
Um é alemão, ganhou a GP2 de forma antecipada pela primeira vez na história da categoria.
Ganhou também na A1GP, F-BMW alemã, F3 Européia, F-Masters, carinhos de rolimã, Need For Speed, F1 Challenge e Super Mônaco GP...
Se não bastasse é também pupilo de Willi Webber, aquele que é empresário até hoje de certo alemão queixudo que - só de farra - ganhou este ano a corrida dos campeões disputada no estádio chinês “Ninho do Pássaro” junto com Sebastian Vettel. O outro é o Rubinho que... Que... É simpático e nunca fez mal a ninguém.

Viu como não existem diferenças entre os europeus e os brasileiros?
Ka…

Ava(ca)liações Abundabianas ou abundabenses?

Imagem
Encontrei o objeto de inspiração do Tilke para criar este circuito lindo com um bagulho de pista.


Olha que bateria linda... Numa destas eu ignoraria a corrida de boa....

Nem como autorama esta pista agradou...

-Pra que esta maconha?
-Sem isto, você aguentaria esta corrida?

Vettel: Venceu com sobras e com sorte.
Webber: Segundo lugar apertadinho.
Button: Terceiro lugar assanhando-se.

Um não Burro! Dois... você é vice.

Button: Um sou eu Vettel, seu burro!
Vettel: Se eu soubesse contar não seria piloto, seria engenheiro...

Hahahahahahahahahahahahaha! Nem vice!

-Ai, que saudades da Force India, do seu Malya...

-Sai daí Naomi, a gente quer fotografar mulher bonita e você ai atrapalhando...
-É como disse o Falcão, só serve pra peidar em festa mesmo...

Pela cor dos lenços na cabeça... Eis aí a Torcida Organizada do Rosberg.

Aí sim... Um avião!

Depois da largada, esta foi a única vez em que os carros estiveram realmente próximos...