22 de ago de 2014

Expressões

Tem expressões que não fazem sentido algum.
Veja o caso de “caminhão de dinheiro”, por exemplo.
Ok! É apenas uma expressão, mas é ridícula.
Caminhão de dinheiro...
Vá lá... Ter muito dinheiro, ou determinada quantia ser enorme... Mas poxa! Caminhão de dinheiro?
Quem catzo com muita grana colocaria – em espécie – em um caminhão?
E que tipo de caminhão? Aberto, baú?
Não faz sentido.

Outra.

“Dinheiro para caralho”.
Como assim?
Imagine o tamanho deste caralho para caber em uma analogia besta com muita grana.
“-É muito dinheiro! É dinheiro para caralho...”.
Como assim?
Ou por outro lado: “Dinheiro para caralho” pode ter o sentido de o dinheiro ser para o bigulim, mas...
Mesmo assim não faz sentido.

Mais uma?

“Encher o c* de dinheiro”.
Porra! Quem faz isto?
O cara tem muita grana, mas muita grana mesmo... Grana para caralho, um caminhão de grana...
A última coisa onde o cara vai querer colocar dinheiro é no c*.
Não no próprio, pelo menos...

Pensei nesta besteira lendo que mesmo com os cem milhões de libras de seu pai, Max Chilton foi trocado por um americano (depois de Mario Andretti nada mais prestou vindo de lá)  lá no time onde corria.
Se eu tivesse a meu dispor os tais cem milhões, na boa... Colocava em um caminhão baú, na cueca, enchi o c* de grana, mas nunca... Nunca que iria investir em comprar uma vaga em uma equipe tão mequetrefe, sem vergonha, de fundo de grid

3 comentários:

Vander Romanini disse...

Então, o pai do rapaz tem dinheiro pacarai, pôs num caminhão e depois enfiou no c*?
Foi assim a bagaça??
KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

Anônimo disse...

eu ca se tivesse um caminhao cheio de dinheirao queria que se fodesse a equipa qual fosse ela, aceitava qualquer uma
correr na f1 é o topo dos topos o que interessa é tar la mesmo

infezlimente essa historia do vertapenzinhioo baby estraga cada vez mais a historia dos topos dos ptopos

Marcelonso disse...

Groo,

Essas expressões até podem ser esquisitas, mas são entendidas perfeitamente...

Quanto ao Rossi, parece que o cheque voltou e ele dançou.


abs