Postagens

Mostrando postagens de Outubro, 2018

F1 2018 - México: Campeão na corrida que o representa

Imagem
Nunca fui muito fã desta nova configuração do traçado mexicano.
A mutilada que deram na Peraltada deixou o circuito comum, banal... Com uma reta descomunal, é verdade, mas só...
E pelo segundo ano, este traçado xoxo vai decidir o campeonato.
Decidir é uma palavra forte e, cá entre nós, sem sentido neste campeonato já decidido.
A corrida mexicana vai, no máximo, por ponto final a disputa do campeonato.

A pole de Ricciardo, seguido de perto por Verstappen, foi a confirmação de que ai os Renault não se ressentem de falta de potência.

A terceira posição de Hamilton e Vettel largando de quarto davam um molho especial de tensão.
O longo trecho até a primeira curva ajudava, mas...
Limpa.
Ainda que Hamilton tenha se colocado entre as Red Bull e ficado com a segunda posição após a primeira curva, não houve a bagunça que todos esperavam que pudesse embolar um pouco a corrida.
Na verdade, o que aconteceu foi uma largada horrorosa do pole Ricciardo.
Seguia Max na frente, Hamilton atrás com Riccia…

F1 2018 - EUA: Esticando a agonia

Imagem
Sempre disse e continuo dizendo que não sou grande fã desta pista americana de Austin.
O copy and paste feito por Tilke não lhe garantiu alma. Não tem graça.
Fora o fato de que, pelo menos, não é uma pista de rua sem possibilidades de ultrapassagem, não vejo nada lá que justifique o alto grau de babação de ovo por seu traçado.
Junto com a monótona lista de vencedores em seus seis anos de existência (cinco vitórias de Lewis e uma de Vettel) é possível afirmar que para vencer lá, basta ter o melhor carro. Ou seja, é uma pista de resultados óbvios.

Para esta edição, mais obviedade: Lewis larga na pole, mais uma e isto porque seu carro nem é o melhor (ironia).
Por uma punição dada em um dos treinos livres, Vettel larga em quarto lugar já que perdeu três posições e só conseguiu um segundo lugar na classificação.
Pior ainda para Max Verstappen que foi punido por ultrapassar os limites da pista em uma das curvas com a quebra da suspensão traseira ao passar por cima de um “quebra molas” apeli…

F1 2018 - Japão: monotonia prevista e comprovada

Imagem
Depois da vexaminosa corrida na Rússia, a próxima parada era a pista tradicional – e espetacular – de Suzuka.

As corridas por lá, já tem algum tempo, tem sido monótonas e, penso eu, que seja pelo motivo apontado pelo amigo Márcio Kohara: Suzuka tem uma pista seletiva e desafiadora para voltas rápidas, mas para disputas, não favorece muito por conta da carga aerodinâmica usada para equilibrar de forma igualitária em seus diversos trechos.
E este ano não parecia ter motivos para achar que seria diferente.
A – oitava – pole de Lewis Hamilton (e ainda há quem diga que ele não tem o melhor carro, mas está em um “momento iluminado de pilotagem” corroborava totalmente.
Para ajudar, o escudeiro na segunda posição e os carros que estão mais próximos, mas ainda assim a quilômetros de distância largavam em quarto e nono depois de uma senhora burrada na qualificação.

A largada limpa foi seguida por um volta sem surpresas até que Kevin Magnussen, sabe-se lá porque, resolve aplicar um breake test n…

F1 2018 - Crônica do GP: Entendedores entenderão

Imagem
Pinçando apenas três dos mais lembrados caso de interferência em resultados, houve muitos outros, podemos ter uma pálida ideia do quanto é importante para o esporte (F1) ter mais corridas em palcos tradicionais e com torcedores de verdade nos autódromos.

Cenário: GP da Áustria de 2002.
Personagens: Michael Schumacher e Rubens Barrichello e Ferrari.
Enredo: Rubens vai à frente dominando a corrida como já havia dominado os treinos e Michael vem logo atrás.
Plot Twist: a direção da Ferrari, nas pessoas de Ross Brawn e Jean Todt acessam o rádio do carro de Rubens e mandam que a posição se inverta pelo bem do campeonato.
Rubens, na última volta, quase na linha de chegada dá a posição.
Resultado: uma sonora vaia.

Cenário: GP da Alemanha 2010.
Personagens: Fernando Alonso, Felipe Massa e Ferrari.
Enredo: Massa vai à frente de Alonso em busca do que poderia ser sua primeira vitória após o acidente com a mola.
Plot Twist: a equipe, desta vez na voz de seu próprio engenheiro, Rob Smedley, entra…