26 de ago de 2014

Lado B do GP - Bélgica: Spa devia sediar umas três corridas por ano

E Alonso finalmente pode sentir na pele o que é pilotar pela Ferrari.
Logo na volta de apresentação ficou com um cavalete embaixo do carro.
Os últimos ajustes dos mecânicos lhe custaram um stop and go de cinco segundos.
Fica frio mala.
A primeira posição de zicados pela Máfia Rossa ainda é do 1B.
Ficou com dois cavaletes presos embaixo do carro.
Não consigo ver esta imagem sem gargalhar

O toque entre Nico e Lewis foi coisa de corrida, mas não custa nada fazer uma esforçozinho para imaginar o alemão soltando um “-Ops, pegou né?” e sorrindo com o canto dos lábios.
Se Lewis já chora normalmente, imagina depois desta.

E para completar, Nico usou um treco preso nas antenas de seu carro para provocar o negão.
-E ai Lewis, piloto com uma mão só enquanto empino uma pipa...”
Se foi avisado pelo rádio, ai sim o Lewis deve ter chorado.

E Jenson Button?
Tomava passão por fora na Bus Stop.

Esta foto está aqui apenas porque é linda

Massa teve problemas o fim de semana todo.
Problemas com a chuva na classificação, problemas com o carro na corrida.
Problemas com o macacão folgado, com a sapatilha apertada, com o Bottas guiando o fino, com os outros carros andando mais que o dele, com os outros pilotos sendo melhores que ele, com as curvas em subida, com as curvas em decida, com as retas, com as zebras, com o asfalto, com a borracha, com o templo de Salomão, com Marina Silva, com o helicóptero do Aécio, com a presença do Lula onipresentemente no programa da Dilma... etc, etc, etc...
Se bem que... O pedaço de kevlar preso em seu carro dá sustentação às reclamações do brasileiro, mas vai se perder uma piada? Não mesmo.

Alonso ficou preso atrás do entulho Magnussen durante muito tempo.
E claro: reclamou com gestos e provavelmente no rádio.
Pelo tanto que reclama, Alonso parece um motorista paulistano.
Só faltou reclamar que tinha ciclovias pintadas por ali.

Quase no fim da prova a Mercedes pediu ao Lewis que encostasse.
Acharam algo preso no carro do inglês: um sapo com a boca costurada.

E no fim, Alonso trava batalha épica pela quinta posição e... Perde.
Chegou em sétimo.
Porém a questão é: Ficou um tempão atrás do entulho Magnussen enquanto Vettel, quando chegou no cara, passou fácil.
Chupa Alonso.
Magnussen visto por Fernando Alonso em Spa.

E pelo amor de deus...
Não é má fase do Vettel somente.
É o talento do Ricciardo, sobretudo.

4 comentários:

Francisco J.Pellegrino disse...

Como sempre uma das melhores provas do ano...o Nico bateu de propósito, a Ferrari é referência, o Ricciardo não é alemão, o Massa é venezuelano disfarçado...

Marcelonso disse...

Groo,

Com relação a Massa, tenho um amigo que cunhou a seguinte frase: " Azar só dá em ruim!"

Riccardo mostra a cada prova que tem capacidade de sobra para estar onde está.

abs

Vander Romanini disse...

Cara, textaço!!!!

Tiago Montoya disse...

Side B, I Like This!
Nem vi a prova, nem tenho como comentar, mas parabéns ao Ricciardo novamente, o Fétel deve estar doente de saudades pelo Webber.
E o Alonso, ele acha que transformou a ferrari em quintal, acha que o circuito é pista de kart da casa dele? Eu hein...
O Briatore(gente, não vou com a cara desse homem, por favor), previu o pior com o Jenson Button, por isso o demitiu da Benetton. Tu vê que o cara aonde passa tudo vira bagunça...
A Honda virou bagunça...
E agora é a Maclata que está bagunçada...(A Brawn é café com leite pois estava em temporada de estréia, então não conta!).