21 de jan de 2015

Crônica de outro dia muito quente

-A reunião mais uma vez foi muito proveitosa, parabéns a todos. – diz o chefe.
-Foi perda do meu tempo! – grita alguém que não pode ser identificado.
-A propósito, chefe, que tal uma pequena comemoração? – diz o japonês do TI.
-Claro, claro... O que sugere?
-Neste calor? Refrigerante e sorvete! – sorri a gordinha do DP.
-Uma ótima pedida! Mais sugestões?
-A gente queria cerveja, óbvio... – o ruivo da contabilidade opina.
-Mas estamos em horário de trabalho, não dá né?
-Qualquer coisa, mas longe daqui! – a voz misteriosa novamente.
-Ah, poxa... Abre uma exceção! A gente compra cerveja sem álcool. – sugere o japa.
-Ok então... Sorvete, refrigerante e cerveja sem álcool.
-E para comer? – novamente a gordinha do DP.
-Caramba, é mesmo... Passa das três da tarde, precisamos comer. – repara o chefe.
-Ah, tá muito quente,... Nem dá vontade de comer. – diz o office-boy.
-Só se for você, magrelo, eu tenho fome com qualquer clima. – indigna-se a gordinha.
-Dá pra notar... – ri o office-boy no que é acompanhado por todos discretamente.
-Vamos parar com este negócio ai... Já falei que não quero bulling na empresa.
-Mas vocês não estão na empresa, cambada... – a voz misteriosa ganha mais altura.
-Então tá... Japa, você vai atrás da cerveja sem álcool; fofa, pega o sorvete, o boy vai buscar refri pra todo mundo... Eu pago.
-Mas... Mas... Vamos comer aqui mesmo? – quis saber o ruivo da contabilidade.
-E por que não?
-Melhor ir a um bar, restaurante, padaria... Vamos lá... – incentivou o japonês.
-Tá bom...  Vamos nessa! – disse o chefe após pensar um pouco.
-Eeeeeee!  - todos comemoraram enquanto saiam deixando o lugar desarrumado.

Enquanto todos saiam o dono da voz misteriosa finalmente aparecia e começava a arrumar toda a bagunça.
-Cambada do cacete... Vão fazer festinha com sorvete, refri e cerveja quase toda semana, mas não tem dinheiro pra por uma droga de ar condicionado no escritório deles.
-Com quem cê tá falando ai? – quis saber outra pessoa que agora chegava ao local.
-Tô resmungando sozinho...
-Tá ficando velho.
-Não... Tô é cansado! Desde que começou esta onda de calor que estes idiotas vêm fazer reunião aqui no setor de frios e congelados do mercado, tiram tudo do lugar e nunca arrumam.
-É complicado...
-Muito, agora, por favor, joga os frangos de volta na gôndola resfriada onde estava sentada a gorda, me ajuda a por as carnes de volta no freezer onde o japa tava encostado e fecha a porta das geladeiras todas, por favor...

2 comentários:

Pedro Maier disse...

Poderiam ter ido pro setor de ventiladores de uma loja de departamento, tão sempre ligados, mesmo quando tá frio.

Marcelonso disse...

Groo,

Nem assim pra fugir desse calor. Tá quente demais sô!


abs