10 de jun de 2015

Crônica do GP: Entrevista com a estrela da corrida canadense

Ele foi o astro da corrida canadense.
Brilhou mais que Massa e Vettel que fizeram grande corrida e muito mais que os dois cones que ocuparam o lugar mais alto do pódio.
Com vocês a entrevista mais difícil até aqui neste blog.

Ron Groo: -Muito obrigado por aceitar falar conosco.
Marmota Mark: -Não tem de que... Achei que era a hora e a vez de ter voz.

RG: -Sua turma é muito comum ali na ilha, não?
MM: -Sim... Somos uma espécie numerosa por ali... Faz anos que chagamos.
RG: -Vieram de onde?
MM: - Dos EUA... Cansamos de ficar por lá sendo tirados da toca pra marcar o fim do inverno.
RG: -É lenda isto?
MM: -Não... É real... Tão real quanto o talento do Lewis...
RG: -Então este foi o jeito que encontraram para mostrar desagrado com a situação?
MM: -Sim... Mas antes fizemos a parada do orgulho marmota.
RG: -E deu no que?
MM: -Em nada... Ficam uns trouxas discutindo de um lado, outros falando merda do outro e os problemas seguem sem solução.

RG: -Mudando de assunto. Você não ficou assustado?
MM: -Na corrida?
RG: -Sim...
MM: -Não.
RG: -Por quê?
MM: -Porque marmota ouve mal... E o som destes carros ai não é lá estas coisas. Logo...
RG: -Mas você podia ter sido atropelado?
MM: -Nada... Era uma Williams que vinha vindo e logo atrás uma Ferrari. As duas equipes tem piloto. Agora... Se fosse as Mercedes eu ficaria preocupado... Sabe como é: dois motoristas nós cegos.

RG: -As corridas são uma ameaça a sua espécie em pequena escala não? Já que é apenas uma corrida por ano e o evento todo dura três dias.
MM: -Nada... Tantos anos que há corrida lá e quantas vezes você viu uma marmota na pista?
RG: -Acho que esta foi a primeira...
MM: -Pois é... É mais fácil ver uns burros, umas antas pilotando que uma marmota atravessando a pista... E o evento durar três dias não nos chateia.
RG: -O que chateia vocês?
MM: -Aquele narrador brasileiro que parecia estar embriagado chamando a gente de castor.

RG: -Mas por fim... Por que atravessar a pista?
MM: -Estava pagando uma aposta.
RG: Aposta?
MM: -Sim... Apostei com minha esposa que atravessava a pista mais rápido que uma McLaren. E ganhei.
RG: -Aposta arriscada... Se perdesse estava ferrado.
MM: -Sim... Mas ainda assim estaria melhor que se perdesse e tivesse de fazer um acordo com ela...
RG: -E qual era o acordo?
MM: -Ela queria ver o histórico de navegação do meu computador, a senha do meu facebook e ser adicionada nos meus grupos de whatzap: o Playmarmota, o Xvideosmarmota e o Esquilas_safadas... Não me olha com esta cara não... Esquilo é bicho esquisito, mas as fêmeas deles são bem jeitosinhas...

5 comentários:

Marcelonso disse...

Groo,

Essa Marmota sabia o que estava fazendo, até porque ficar a frente da McLaren não é assim tão difícil...


Se me permite, uma pequena correção, o circuito fica na ilha de Notre Dame.


abs



Ron Groo disse...

A marmota aqui fez caquinha... vou arrumar Marcelonso.

Rafael Schelb disse...

Até a marmota é mais rápida que o Alonso! hehe

diogo felipe disse...

ALBERT PARK ??? HAHAHAHAHAHA

RON GROO FAIL !!!

Anônimo disse...

Voce é um humorista nato. Muito bom.