6 de out de 2015

Noticias lado B da F1

A Manor já prevê grande passo à frente em 2016.
Noticia boa para os fãs da nanica e péssima para os torcedores da McLaren.


Bernie Ecclestone disse que a quase todas as equipes estão interessadas em Max Verstappen.
Das duas opções, escolha uma.
A) Alguém está trollando o velho dizendo estas coisas para ele.
B) O velho está trollando o Verstapinho para ouvir mais pitis do moleque via rádio nas corridas.

Sérgio Perez já traçou seu objetivo para o fim da temporada deste ano: Bater Nico Hulkemberg.

Felipe Nasr elegeu o ponto chave para a corrida na Rússia: os freios.
Se parar para pensar... Porra. É corrida. CORRIDA.
Por corrida se entende acelerar...
Mas faz sentido se levarmos em conta a tal reversal russa. Em uma corrida quem freia mais se dá bem.

Descoberta a razão de a Haas ter escolhido Romain Grosjean para ser o primeiro piloto anunciado pela equipe.
A cultura norte americana de automobilismo adora um grande acidente durante as provas – os big ones – desde que ninguém saia (muito) ferido deles.
Logo, Grosjean é o cara dos big ones (quase) inofensivos e os donos do time ficaram de olho nele desde 2012 naquele big crash na Bélgica em que o puniram com uma corrida de gancho.
Perguntados sobre a veracidade desta informação, os donos da Haas confirmaram e ainda completaram dizendo que: “-Se estivéssemos para entrar em uma competição de Demolition Car, contrataríamos o Maldonado.”.

Por último, a Mercedes declarou temer reviver o que chamou de “pesadelo de Cingapura” na corrida Russa.
Mercedes... Vaitomarnocu, vãosefuder.

2 comentários:

Marcelonso disse...

Groo,

A Manor nem com um foguete amarrado no carro pra andar mais a frente...


Quanto ao Grosjean, esse a meu ver, entrou numa furada.


abs

Anselmo Coyote disse...

Orçamento da Haas será de 100 milhões de dólares. Dá pro café. Sem torradas.
Abs.