17 de nov de 2015

Lado B do GP: Brasil monótono

O lado B não podia começar com outro que não fosse Fernando Alonso.
A pose “turista desencanado” depois de mais uma quebra e a pequena zueira no pódio com Jenson Button foi coisa de brasileiro huehue.
Sensacional.
Agora um aviso: cuidado!
A vingança do Alonso quando recomeçar a vencer – e não duvidem que isto aconteça – v ai ser maligna, devastadora... Cruel!
Até eu já to com medo.

Poucos lados B de verdade.
Só Maldonado salvou dando uma tradicional maldonadeada e acertando Ericson Celulari.
A ação despertou do sono os comissários de prova que prontamente comissionaram e colocaram o lance sob investigação.
E como não aconteceu mais nada na corrida, também não deu em nada a investigação.

E no rádio:
Piloto: -Vai chovê?
Equipe: -Não caraio, corre ai e não enche mais o saco.

A corrida acabou sendo tão monótona que poderíamos trocar o nome para Grande Prêmio Rodada do Brasileirão de F1.
Porém, num universo paralelo o pódio foi este da foto.

Um comentário:

Marcelonso disse...

Groo,

Foi terrivelmente chata a corrida. Abumdabe não me darei ao trabalho de assistir...


abs