4 de dez de 2015

Viva lá revolución!

Houve movimentação nas correntes do poder.
Finalmente!
Não... Não é sobre o canalha do Cunha ou a incompetência dos petistas e sua  Dilma amestrada, mas sobre F1.
Os anões Bernie Ecclestone (1.59m) e Jean Todt (não sei a altura do Topo Gigio) conseguiram carta branca da FIA para mandar e desmandar na gestão da categoria mais famosa do automobilismo mundial.
A partir de agora, as equipes não mandam mais porcaria nenhuma e estarão sujeitas as regras “vindas de cima”.
Ecclestone – ou o amigo Max Mosley – já tinha dito que “democracia demais atrapalha o esporte”.
Nada mais correto.
Enquanto o tal Grupo Estratégico esteve no comando qualquer discussão demorava meses para ter algum efeito e bastava uma choradeirazinha para conseguir impor suas vontades e decisões.
Foi assim com a Mercedes que após ameaçar sair da categoria desandou a ganhar corridas e títulos.
No embalo, a Red Bull fez o mesmo, embora sem o mesmo sucesso (ninguém caiu no blefe do surgimento de uma nova categoria).

Agora, efetivamente, o regulamento da categoria não terá que passar pelo crivo dos times e como disseram os dois personagens nanicos: “Quer vir, venha. Não quer, não venha.”.
Regras sobre motores, regulamento aerodinâmico, aparência dos carros, pneus deverão ser decididas com mais rapidez e menos favorecimentos.
No campo dos motores (apenas quatro empurram as equipes hoje) fica mais fácil a aprovação de um motor alternativo.
Também se espera que o fornecimento de pneus (seja maior número de fabricantes ou pelo menos maior número e liberdade de uso de compostos) também seja repensado.

Na prática a coisa será: “-Querem brincar de F1? Ótimo, mas as regras são nossas.”.
Correto ou não, pode-se até se discutir, mas que o modelo de gestão era falho e equivocado e precisava ser mudado, é fato.
Já começo a pensar mais em 2017 que no ano que vem...

2 comentários:

Marcelonso disse...

Groo,

Uma luz no final do túnel. Já que no próximo ano, novamente assistiremos o domínio dos carros alemães, ou seja, mais uma temporada modorrenta a caminho.


abs

fabehr disse...

eu tb curti mto essa decisão dos baixinhos!