23 de jun de 2016

F1 2016: A mordaça no rádio

E durante a corrida em Baku...

-Lewis? O que há?
-Não sei...  Algo não está direito o carro não rende.
-Só não rende? Aparentemente você perde potência.
-Sim, sim... O que devo fazer?
-Não podemos dizer, Lewis. Se vira.
-Como?
-Se vira.
-Vira? Onde?
-No volante.
-Sim...  Eu viro com o volante, mas e a potência que tô perdendo?
-Vira...
-Vira o que?
-O volante, Lewis...  Vira no volante.
-Tá confuso... Vira o que no volante?
-Não podemos dizer... Fica vermelho.
-Vermelho?
-É... Se falarmos onde mexe fica vermelho pra gente com a direção de prova.
-No volante?
-Sim...
-Remapeou?
-O que?
-Não podemos dizer isto Lewis. Não podemos dizer.
-Entendido.
-Agora acelera. Segue na corrida.
-Estas restrições de se passar informação via rádio é ridícula. Tem que repensar isto.
-Concordamos Lewis... Onde já se viu não poder dizer para o piloto que uma falha de potência pode ser corrigida virando o controle todo até a parte vermelha e acelerando?
-Concordo. E agora?
-Telemetria ok, termina a prova, por favor.
-Ok.

Um comentário:

Anônimo disse...

Bom. Comigo seria bem mais fácil de entender.

- E a gostosa da Nicole Scherzinger( motorzão mercedoca), Lewis ?
- Tá cada vez mais longe de mim( perda de potência da Mercedoca). Tento, tento, mas está esfriando( confirmando perda de potência do motor) comigo.
- Dá próxima vez que encontrá-la, aperta o bubu dela( botão da rebimboca da parafuseta que dá mais potência ao turbo). Dá um beliscão( tenta de novo !) no bubu dela ! Seja rápido !
- Pô, cara... já fiz isso e o Nicole, quer dizer, a Nicole não tá respondendo. Que tal compartilharmos( resertar, reseta daí, mermão ! ) a Nicole ?
- Eu topo ! Espera aí que eu vou ligar para ela( apertando a rebimboca da parafuseta dos boxes).
- Xi, Carlin ! Ela topou( potência voltou) ! Deu para sentir no retão !
- Claro que aquela vagaba( Mercedoca - motor) ia topar mas tem que ir com um mecânico junto porque ele, o mecânico, ouviu a minha conversa com ela e vai dedurar para todos( não força muito que a coisa - motor - tá no limite !) !

ai, ai...


M.C.


M.C.