28 de ago de 2016

F1 2016 - Bélgica: Nem sempre quem ganha é o vencedor

É Spa-Francorchamps, e isto bastaria – em outros tempos – para garantir emoções.
Ainda garante beleza, plasticidade, mas emoção é subjetivo.
É preciso ver a corrida de outra forma que não seja esperando brigas a todo momento pela ponta ou posições importantes.
É preciso ver a corrida com a mente aberta. E bastante humor.
Humor que teve Fernando Alonso ao comentar que seria o campeão de perda de posição na largada por conta de troca de peças do motor. E batendo Lewis Hamilton que aproveitou a punição por troca de motor para trocar tudo que pudesse ser trocado e largar do fim do grid.
Estratégia bem inteligente já que não há problemas de ultrapassagem em Spa e se pensar à frente, logo o mesmo vai ter que acontecer com Rosberg e pode não ser tudo na mesma corrida.
E ainda dizem que não tem primeiro e segundo piloto na Mercedes...

Sempre se fala da dificuldade da pista, que por ser seletiva, quase um carrossel, pode fazer com que o piloto erre e a primeira volta teve um bocado de erros, mas não por culpa da pista.
Verstappen, que largou muito mal, espremeu Kimi Raikkonen junto ao reclamão Vettel.
Azar das duas Ferrari que se tocam e tem que ir para os boxes. Kimi fica por lá um bom tempo até com um princípio de fogo em baixo do carro.
Verstappen, Massa, Vettel, Kimi vão aos boxes.
Sainzinho, o outro piloto da McLata, Celulari Ericsson e Wehrlein vão para casa mais cedo...
E logo na sexta volta a Eau Rouge mostra que ainda é perigosa para os pilotos.
E se é para pilotos, o que dirão para motoristas como Magnussen?
Foi uma porrada de respeito meio que de traseira. Detonou o carro e a proteção de pista do local, mas saiu do carro andando de boas...
Quatro voltas com safety car e surge a bandeira vermelha. Prova interrompida.
A esta altura Lewis Hamilton que largou por último já era o quinto.

Na relargada nenhum incidente.
Não demorou para Hamilton jantar o Alonso e ganhar a quarta posição.
Já era possível ver uma tremedeira no carro prateado número seis.
Um pouco mais atrás, Kimi tomava canseira do moleque Verstappen.
Eu gosto deste moleque, me julguem.
Chupa Kimi.

E aí começa a parte cerebral da corrida.
Com a bandeira vermelha houve troca de pneus e estratégias e até a próxima rodada de pit stops a corrida virou um jogo de xadrez.
E como em todo jogo de xadrez, não aconteceu nada de emocionante.
No fim, ganhou o Rosberg, mas quem vence mesmo, de verdade, foi Hamilton em seu terceiro lugar.
A paçoca, mesmo que virtual, foi entregue com sucesso.

9 comentários:

Vinicius Vergueiro disse...

Corrida sensacional.

Quanto ao incidente da largada,apesar de Vettel ter tido a naior responsabilidade,pois errou feio o julgamento e fez a curva mais fechada que o normal, foi mais acidente de corrida mesmo.

Mas Vettel se refez e conseguiu uma boa recuperação com direito a duas ultrapassagens sob o MITO Verstappen(a primeira delas foi sensacional).

Hamilton e Alonso foram sensacionais também vindo da última fila.

Riccardo foi competente e seguro.

Force India muito forte também.

MITO Verstappen desta vez não teve miita sorte,mas novamente mostrou que é osso durissimo de roer,dando novo capote no seu saco de pancadas finlandês, que de novo foi enrabado sem dó nem piedade pelo MITO em uma disputa por posições.

Verstappen é o futuro da F1 e da Red Bull. Riccardo que se cuide., pois o MITO será campeão em breve isso não tenho dúvidas.

Vinicius Vergueiro disse...

E completando,Magnussen deu muita sorte de ter saído daquela porrada monumental com dores no tornozelo esquerdo.

Anselmo Coyote disse...

E o nobre blogueiro disse:

"Um pouco mais atrás, Kimi tomava canseira do moleque Verstappen.
Eu gosto deste moleque, me julguem.
Chupa Kimi."

Primeiramente, eu também gosto. Acho ele muito bom, mas vai ter de comer um bocado de capim até aprender. Bateu no Kimi duas vezes, bateu na Force India e mais algumas merdas para o final ser:

Chupa Kimi??? Como assim?

Vamos ver:

Grid de largada:
1o Rosbiba
2o VERTAPINHO, A CHICANA AMBULANTE
3o Kimi, o velho beberrão, ex-aposentado.

Grid de chegada.
9o Kimi
10o Ninguém (ninguém é muito pra ele, mas por ora tá bom)
11o Quem? Quem? Ora, Verstapinho, a chicana ambulante, atrás do nobre ninguém.

Chegou duas posições atrás do Kimi.

Agora que vc já sabe o que aconteceu na corrida diga direito: CHUUUPA VERSTAPINHO!!!!

Sorry guy, mas vc viu outra corrida.

Kkkkkkkk!!!!

Abs.

Anselmo Coyote disse...

Eu li direito ou alguém aí disse que o Kimi perdeu posições para o Verstapen. Como se o Verstapen largou uma posição à frente dele e chegou duas atrás?
A começar pelo blogueiro, esse blog está demais. O cara larga em 2o e o outro em 3o. O 3o chega duas posições à frente do que largou em 2o e (pasmem) quem chegou em nono, pontuando, perdeu para quem chegou em 11o sem pontuar... ai ai ai.
Só pode ser ressaca.
Fui!!!
Abs.

Vinicius Vergueiro disse...

Coyote e Kimi tem autênticos pesadelos com MITO Verstappen.

O aposentado não consegue passar o MITO,mesmo com pneus melhores,já a farsa alemã consegue em uma corrida o que o aposentado finlandês não consegue em 500 corridas,e mais: COM PNEUS MÉDIOS ENQUANTO O MITO ESTAVA DE PNEUS MACIOS.

E não foi só uma,mas DUAS ultrapassagens! E a primeira delas foi antológica, a farsa deu um belo de um drible no MITO que mais a frente iria recuperar a poisção,mas a farsa alemã foi lá e logo depois passou de volta,mostrando ao aposentado finlandês como é que se ultrapassa o MITO Verstappen.

Vinicius Vergueiro disse...

O aposentado só passa o MITO Verstappen apenas no Pit ou cortando caminho nas curvas.

Em condições normais,isso não acontece pois o MITO é porreta mesmo!

Unknown disse...

Sou defensor do Kimi nessa parada!... Incrível como o Verstapen não recebe puxão de orelhas de ninguém. Ele não respeita veículos mais velozes em nenhum momento. Na largada, acredito que não faria a curva, pois largou mal e enfiou por dentro freando prá lá das 200 milhas. O coitado do Kimi ficou de recheio para a dupla...

Vinicius Vergueiro disse...

Que judiação...

MITO Verstappen não fez nada de errado na disputa com o aposentado finlandês, se houve algo de irregular foi o corte de curva escandaloso que o aposentado deu pra ganhar a posição do MITO.

Se o aposentado quer moleza que vá disputar posições com Ericsson,Palmer,Nasr e Gutierrez. Aqui na F1 não é passe por favor é passe se puder.

Marcelonso disse...

Groo,

Esperava mais dessa corrida. Ainda que tenha sido naquela que é considerada a melhor pista do planeta, a verdade é que deu sono...cheguei a cochilar durante a prova!

Quanto a Verstappinho, também gosto do moleque. Ontem fez algumas bobagens é verdade, o que é natural pela pouca idade. Ele precisa aprender a dosar o ímpeto. Ontem uma largada sem problemas, certamente o teria colocado no pódio. Certamente aprendeu.

Por fim, o grande vencedor ontem foi Hamilton. Conseguiu minimizar o prejuízo ao terminar no pódio. O tetra está próximo.


abs