30 de out de 2016

F1 2016 - México: final agitado pelos motivos errados.

Louvam-se pistas pelos motivos errados.  Esta pista é bacana, tem trechos bonitos e este novo Estádio...  Este é o ponto baixo.
Bonito esteticamente e inútil efetivamente.
Trecho de baixa velocidade, sem ponto de ultrapassagem e o espectador que vê dali só vê poucos segundos da prova. Quase nada.
E o pior: para construir esta besteira matou-se a Peraltada.
Enfim...  Tem quem goste dos olhos e quem prefira a ramela.

Esta segunda corrida no México após a volta da categoria ao país tinha alguns pontos interessantes à serem observados logo na largada.
Com Lewis na ponta e uma reta gigantesca à frente, a dúvida de qual seria o comportamento de Nico Rosberg era tão grande quanto a própria reta.
Mas não tem muito o que fazer... pode pensar alguém, mas tem sim.
Nico não precisa mais vencer corridas para ser campeão este ano, basta não ficar muito longe do companheiro de equipe ao fim das provas.
Mas e a questão de orgulho? – Podem inquirir.
O orgulho de ser campeão é provavelmente maior que o no de vencer uma corrida no país do Speedy Gonzales.
Restava saber se a cabeça (fraca) dos dois cones da Mercedes tinham esta noção.
Talvez não, já que na largada, com pneus e freios frios, Lewis freou tarde e teve que cortar toda a primeira chicane.
Nico, com um toque foi jogado para fora e cortou apenas a segunda perna.
Se não fosse um acidente lá atrás com uma Sauber, certamente alguma investigação viria, mas um safety car juntou todo mundo e ninguém reclamou de nada.

Como era de se esperar, depois da tensão da largada, a corrida entrou em banho Maria e como na maioria das pistas mexidas pelo Tilke, a coisa ficou morna demais.
Vettel não parou para trocar pneus e assumiu a ponta.... Ignorou um pedido de parada e fez todo mundo lembrar que da última vez que fez isto teve um pneu estourado e não terminou a prova. Mas o ritmo do tetra campeão era bom e ele seguia monotonamente na ponta até a volta trinta e dois.
Hamilton voltou à liderança e Rosberg com o regulamento embaixo do braço não se preocupou em segui-lo. Também não foi atacado por ninguém.
De legal, apenas um rádio do Alonso mandando o engenheiro parar de encher o saco: “-Faça seu trabalho que eu faço o meu. ” – Disse.

No fim, uma briga entre Verstappen, Vettel e Ricciardo deu alguma graça à prova.
Vettel não conseguiu passar e iniciou um mimimi forte pelo corte de da chicane no fim da reta. Xingou muito, falou um monte de besteira, como aliás, vem fazendo na temporada e ficou com o terceiro lugar no grito.
Vettel no pódio
A manobra do Verstappen, aliás, foi igual a de Lewis Hamilton no início da corrida com a diferença que Verstappen foi punido ainda na sala de espera para ir ao pódio. Hamilton não.

Vitória do Hamilton e campeonato segue sem definição.
Corrida chata.

9 comentários:

Vinicius Vergueiro disse...

Desculpe,mas nessa terei de discordar.

MITO Verstappen foi bem sacana nessa e a reclamação de Vettel foi sim justificada.

O lance foi claríssimo demais e não tem como dar razão a MITO Verstappen.

MITO errou na freada e cortou caminho malandramente,e deveria ter devolvido a posição(como a equipe sabiamente mandou),mas não o fez.

Claro que muita gente exagera nas criticas ao MITO Verstappen,mas hoje ele estava muito errado.

Rubs disse...

O Amiltinho ganhou 51 provas. Talvez iguale Schumacher. O neguinho não faz acepção entre loiras, morenas, ou entre belas e feiosas. Como é que ele pode ser cone? Ele pode ser uma besta quadrada e um analfabeto ricaço, mas cone ele não é. É só o Justin Bieber do automobilismo.
Tomou o posto de Vettel que, depois que foi para a Ferrari, está mais para Axel Rose.
Aliás, como não tem carro, Vettel usa a inteligência para vencer os adversários ou, mais propriamente, a língua. Foi assim que conseguiu passar o aposentado Massa, gritando para tirarem aquele estúpido da frente. O outro aposentado a própria equipe dá jeito através de estratégias ou trapalhadas. Mas o sagaz alemão também tira retardatários da frente sem ter o trabalho de calcular ultrapassagens simplesmente dizendo: get out of the way, just this. Finalmente, Vettel fatura o podium por sua sagacidade retórica, simulando indignada reação. Há que se reconhecer que Vettel inaugura a argumentação via rádio como arma legítima de estratégia desportiva. Isso é absolutamente inédito e original. Para faturar resultados, não basta ser bom piloto: é preciso ser ladino. Vettel prova isso.
O único que não reconhece a capacidade ímpar de Vettel é o bruto do Coyote. O ronquifuço foi recolhido pela vigilância sanitária e não anda tendo autorização para enlamear o blogue com o seus despautérios.

Abs.

Alexsander disse...

Na boa, nessa não dá pra defender o Verstappen não.
Errou e ganhou grande vantagem. Pronto. A própria equipe, durante a prova, viu o erro que Max cometera, o pedindo para ceder a posição.
Bom, a punição imposta ao Vettel depois da prova...sem comentários. Só prova como a F1 está se tornando ridícula. A disputa foi lindíssima de se ver, pois foi justa, roda a roda, espaço para os dois, tendo que segurar o carro na freada OS DOIS. Enfim, é triste, chega a dar desânimo.

Abs

Manu disse...

Verstappen já precisava de limites Groo. Ele não tem mais controle. Quando algo semelhante se abate à ele, ele age semelhante ao Vettel. Se ele quer ser "o cara" ele tem que aceitar que façam as disputas conforme ele também faz.
E volto a dizer: se as regras são assim, circunstanciais, essa categoria perde a credibilidade para mim.

Mas olha: corrida chata mesmo. Ainda bem que estava dando risada com a NFL. :D

Abs!

Anônimo disse...

Penélope tem o pai como farol. Um farol apagadinho mas que deu certo, um campeão mundial com uma vitória. Com essa caralhada de pontos, correrá riscos, faltando 3 provas ? Agora duas... HA ! Só li um pouco dos comentaristas. GH-3 é GH-3, ponto final. Nem burro( pô, quem chega lá, burro não é. Pode ser lentinho, segundão, afobadinho ou com grana para correr e dizer que é riloto de F1 mas burro não é. E tem volta o dindin, o investimento, de alguma maneira. Lembrem-se, é o primeiro 'lava jato' do mundo ), nem cone( isso é o seu queima filme, senhor Groo mas quer continuar, continue. Achar o Zaca genial é o seu outro queima filme ). Acho que não. Início de corrida, investigação ? Ali não tinha o que fazer. O GH-3 pensou que trouxesse consigo o Penélope, pela esquerda, e não usou toda a pista perdendo a tangente da curva. Passou reto. Já o outro se envolveu com o novo afobado da F1, com pitadas de dick vigarista, o 'Olha o meninu... ui ! Olha o meninu...ui, ui, ui '! Os fiscais agiram certo. Não coloco toda a culpa no Tilke. Os carros também. Se compararmos os Mercedocas com os Merdesocas( como as Sauber), seriam algo tipo turismo: DTM X Estoquekkkkkkkars. Sabia que tem NASCAR na Europa ? Estava para te falar isso meses mas me esqueci. E a Peraltada poderia matar. O jeito de estádio, uma besteira sem tamanho mas as globos do mundo e o povo bobão aprovam.
Derrapou feio, senhor Groo, caindo bem em frente de um mascarado de lucha libre e um cara de caveira( menos mal, simboliza vida. No show do Iron deveria ter) ambos te olhando. Logo no trecho do estádio, em velocidade mínima ! Verstappadinho se deu mal mais uma vez ! Fez caguadinha. Daniel Riccardo é o cara. Veja a freada dele com o mesmo Vettel. Entrou, o Olhaomeninu,ui, na sala do esquenta podium, Penélope e GH-3 já estão amiguinhos, sabia ?, olhou para a televisão, viu que o terceiro lugar foi para o Vettelino e um véinho da máFIA tirou ele, com um tapa na nuca e um grito 'saí daí, moleque '!, fazendo Penélope e GH-3 caírem na gargalhada mas ainda sem saberem o motivo do tapa bem dado no folgado. Carnaval ferradino, Vettelino e um monte de vermelhos caminhavam para lá cantando ' Dá-me um Cornetto, muito crocante. E più cremoso, é da Ferrada ! Cornetto, Cornetto mio... '!
Comemoração de 3° lugar ! A coisa tá braba na Ferrada... Mas bem melhor que a gente, ainda. Lembrando: 'Ótimo 5° lugar do Zaca'!, ' Corrida maravilhosa do Zacarias, 10°'! Falando em '10'... CRIVEEEEEEEEELLA !

HAMILTON !




M.C.

Anônimo disse...

https://www.youtube.com/watch?v=N-B0blvP1Co

Parem a imagem em 12 segundos. Onde está Vettel ? A linha verdadeira, o traçado correto, com o Verstappadinho. Não. Nada de fiscais, por favor. Corrida ! Defesa de posição.

https://www.youtube.com/watch?v=vjTkDL2iTvE

O Verstappadinho cometeu o mesmo erro que o GH-3 no início, início !, da prova mas em clara, clara!, disputa de posição e no final, final !, da corrida. Tinha que ter deixado o Vettel passar.
Dançou, com tamancos de madeira holandeses...

https://josistyle.files.wordpress.com/2015/07/tamanco-holandes.jpg


M.C.

Rubs disse...

http://bit.ly/2ef0ukk
Abs

Marcelonso disse...

Groo,

Foi uma corrida muito chata, aliás a tônica da atual F-1. O que deu uma melhorada no finalzinho foi a disputa entre Vettel, Verstappinho e Ricciardo.

Quanto a pista ficou uma verdadeira merda.

Sinceramente, desse jeito tá difícil de assistir, escrever a respeito então, pior ainda.

abs

Magnum disse...

Só fui ver a corrida... HOJE! 4a feira!!

Com a maravilha do replay instantâneo, acabei por discordar da teoria que a manobra do Hamilton e do Verstappen foram idênticas..

Se Hamilton freasse mais forte e se mantivesse na pista, NÃO teria sido ultrapassado, apenas teria gasto muito os pneus - que foi o que ele tentou poupar seguindo reta. Se Verstappen tivesse freado mais forte e continuado na pista, com toda certeza teria sido ultrapassado.

Istos, e mais o fato de Hamilton não ter acelerado no corta caminho enquanto Verstappen acelerou, deve ter sido o que a direção da prova levou em consideração.

Mas... Cortar caminho para poupar pneus??????? Isso pode??????