11 de out de 2016

F1 2016: Paçoca ilusória

A temporada, mesmo com o domínio da Mercedes, está agitada.
A luta pelo título é intensa e a ponta de campeonato mudou de mãos algumas vezes.
Contribui para isto a liberdade de disputa que a Mercedes – ineditamente – deu a seus pilotos, desde que – claro – não arruinassem o campeonato de construtores e suas próprias chances de saírem vencedores no mundial de pilotos.

A vantagem que começou com Rosberg vencendo as quatro primeiras, passou para Hamilton que venceu duas na sequência, teve um quinto lugar e emendou mais quatro vitórias seguidas para logo após voltar para Nico.
Fosse apenas questão de números e o equilíbrio estaria estabelecido, mas não.
Junto com cada mudança na ponta da tabela também vinha o momento de cada piloto.
Nico que havia começado on fire, a certo momento parecia impotente diante de um Hamilton confiante e afiado.
Só parecia.
Mas a verdade é que Nico, mesmo com a subida de produção de Lewis, nunca esteve muito longe da liderança. Em um campeonato tão longo, sua espiral descendente era apenas ilusória.
Nico foi, acima de tudo, regular.
A entrega de paçoca que parecia evidente não passava de ilusão de ótica.
Com exceção da Espanha – onde os dois pilotos da Mercedes se anularam – Nico teve como seus piores resultado um quinto lugar (Canadá) e ficando apenas mais duas vezes fora do pódio (quarto lugar na Áustria e Alemanha).
Enquanto Lewis obteve um sétimo lugar (China), um quinto (Baku) e não pontuou na Malásia, além da já citada Espanha.
E nas vitórias, a surra de Nico em Lewis é ainda mais evidente: nove do alemão contra "apenas" seis do inglês.

Com tudo isto, a vantagem a apenas quatro corridas do fim da temporada é de trinta e três pontos a favor do alemão.
Pouco mais de uma vitória, é verdade, mas se contarmos as últimas atuações dos dois pilotos prateados desde a Bélgica, podemos dizer que a liderança, assim como o título, ainda pode mudar de mãos mais uma vez: da mão esquerda para a direita de Nico Rosberg.

Um comentário:

Anônimo disse...

Buááááááááá, senhor Groo !

Penélope será campeão ! O mundo GLS está em festa ! O mundo polititicamente careta está em festa ! Hillary está em festa ! Merkel está em festa ! FHC está em festa ! O mundo anti-GH3 está em festa ! Não vejo brincadeiras de 'cones' no seu bloguinho. Esperava, ansiosamente, quando abrisse sua página, aqui, os 'cones'. Nada de cone é a certeza mais certa que o cãopeonato já tem dono, para o senhor. Bom, para mim también. A felicidade, enfim, chegou! Noites e mais noites sofrendo com GH-3 ! E com o MC. Noites mal dormidas. Um final de temporrada feliz ! Galo cantôôôô às 4 da manhã, em Suzuka ! Ou seria às 3 da manhã ? Galo japonês, como o paulistano, trabalha muito ! Galetinho, né ? GH-3 não será GH-4 ! Fazer o quê, né ? Ano que vem tem mais. Aquele motor explodindo em Sepang ptelhou com tudo.... Foi lullice da Mercedoca ! Dilmalandrice do Totó Lobinho !
GH3-2016 não será o meu Piquet-1987 !

https://www.formula1.com/en/video/2016/10/Race__Sepang_hopes_go_up_in_flames_for_Hamilton.html

Senhor Groo, Trivella tá dando um surra no Fresco, o pinhossolista ptelho.
Isso que é bom. Ótimo seria o Bolsonaro, lá, nos debates da Bandeidantes ou da Blogo, pegando no pé do dilmeiro evangélico mas o carioca é ixxxpertu meio abobalhadozinho. Só 14% dos mermãos entendem de polititica. Como cristão, irei de Trivella. Sou Trivella desde garotinho. Só falta uma fala do Trivella aparecer nessa mídia boboca falando mal da muiéiada. Jormaulistas esquerdóides estão matando o Trumpete( Trump e Toupete).

HA !

OBS: Aquele ali, na foto, no canto, não é um famoso gangster russo ? Amigo do Lullalibabá ?


M.C.