12 de jan de 2017

F1: Palcos que fazem falta e palcos que nem precisavam ter existido

Das pistas que se foram do calendário, algumas realmente deixaram saudades e outras só aquele sentimento de que seria bom se nunca tivessem sequer existido.
Não é por saudosismo, mas uma que gostaria de ver de volta era o antigo traçado de Hockenheim.
Com suas imensas retas cortando a Floresta Negra é o que se pode chamar de verdadeiro templo dos motores.

Uma das cenas mais divertidas da F1 se deu por lá quando Nelson Piquet tentou dar uns sopapos em Eliseo Salazar após o chileno manetão tirá-lo da corrida de 1982.
Depois ainda o impediu de entrar na Kombi que os levariam de volta aos boxes.
Soube-se depois que o motor de Piquet não aguentaria chegar ao fim da prova, mas até aí, o capacete de Salazar já tinha sentido o peso das luvas de guiar do tricampeão.

Outra pista que gostava muito e foi retirada (e também mutilada como Hockenheim) era Imola.
Após os acontecimentos de maio de 1994, decidiu-se que o traçado era inseguro.

Talvez até fosse mesmo, mas as fatalidades com Ratzemberger e Senna se deram muito mais por problemas em seus carros do que propriamente pela pista.
Se tivesse uma área de escape maior e etc... Mas não tinha.
Perder a curva Tamburello foi um grande golpe no traçado.
Ele está lá, mas assim como Hockenheim, também é meio abobalhado com suas novas chicanes e tudo o mais.

Dois mais recentes, o circuito da Turquia é um dos que deixou saudades.

Talvez o melhor trabalho do mago do paint brush Herman Tilke, o traçado seletivo agradava bastante.
Retas velozes, curvas de alta e baixa, subidas e descidas e o mais bacana: a curva oito.

Dos que foram tarde o que vem à cabeça com mais força é aquele arremedo de Mônaco que tentaram fazer na Espanha.
Não que haja alguma pista boa na terra do Alonso, mas Valência era a mais horrível das horríveis.
Kyalami é outra.
Um traçado chato e um entorno horroroso.
Coreia, Índia também já foram tarde.

Deixe aí seus circuitos preferidos e os mais detestáveis dos que estão fora do calendário.

9 comentários:

diogo felipe disse...

uma preferida :Velha interlagos , mesmo não tendo visto uma Carrera por la, e uma detestável : Aida.

Daniel Consorti disse...

Além da lendária Hockenheim, a finada Jacarepaguá e Adelaide deixam saudades. Agora, uma que graças a deus não está mais na agenda, além de Valência, o de Phoenix e Detroit.. Zzzzz

Marcelonso disse...

Groo,

Com certeza a antiga Hockenheim faz muita falta. Jacarepaguá também é outra para colocar na lista, assim como Estoril, Zandvoort e por ai vai...

Para riscar a lista é longa: Xangai, Sochi, Baku, Singapura, Hermanos Rodrigues (atual) e claro Abundabe!


abs


Anônimo disse...

Saudades de Magny-Cours....

Francisco J.Pellegrino disse...

Spa, Suzuka, Austin sao os q mais gosto e neste ano parece q temos a volta de Paul Ricard com a reta Mistral meio desfigurada q tb me agrada...singapura,hungria melhor nem comentar !

Francisco J.Pellegrino disse...

Hockenheim no formato antigo os motores atuais trabalhariam muito tempo em altas rpms, poucos chegariam ao final.

Diego Trindade disse...

Ainda bem que Índia e Coreia do Sul saíram! Oh duas pistinhas horríveis!
Sim falta da pista da Turquia, que tem um traçado excepcional!
Agora, pistas que costumavam ter corridas chatas mas que gosto, é a Magny-Cours na França e Fuji no Japão, essa última nem era tão chata assim.

Anônimo disse...

Boa noite, senhor Groo ! Hora estranha d'eu dar as caras por aqui mas, sou meio vampiro.

Caramba ! Nesta hora da noite e eu pensando na Suellen ?
Circuitos fora do calendário ? Deixa eu ver...

. Indianapolis
. Hockenheim antigão e a variante do supapo ! Mas eu acho que era feita de barreiras, pneus... Tenho que ir no You Tube ver de novo. Era algo feito nas coxas, lembro bem. Hoje seria a variante do sopapo ! Ou dos tabefes !
. Turquia... Zaca se dava bem, lá. E tinha aquela sequência de curvas lindas que o piloto transformava em uma quase reta, só na tangência...
. Dijon-Prenois e Paul Ricard !, Interlagos( antigo traçado)
. Silverstone anos 1980,
. Scandinavian Raceway - Suécia, média velocidade( mais pelas loiras)
. Autódromo Oscar Alfredo Gálvez - Argentina.


Os porres. Detroit, Magny-Cours, Long Beach,
Korean International Circuit( chatérrimo !), Phoenix...


Le Mans poderia virar corrida de F1. Já correram lá ?


Suéééllen !


Tchau.


M.C.

Al Unser Jr. disse...

Daquelas que ainda existem e a F1 já esteve:
Watkins Glen.
Imola.
Indianápolis (oval) sim, oval, que que foi? vai encarrar??? O-v-a-l, sim isso mesmo. O.V.A.L.
Fuji.