Postagens

Mostrando postagens de Setembro, 2019

Urgente e delicado: Boa Sorte, a estreia solo de Teago Oliveira

Imagem
Ok, o rock brasileiro pós Los Hermanos não vive sua melhor fase midiática e não traz consigo mais aquele público apaixonado e consumidor ávido. E não. Não é culpa dos cariocas...
O rock nacional passou a ser, sem honrosas exceções, coisa de nicho e mesmo medalhões como Titãs ou Barão Vermelho, tem muito menos espaço nas rádios e emissoras de televisão do que costumava ter. Passaram a ser mais cult que populares.
Os nomes que ainda se mantém com alguma popularidade mais visível, como Nando Reis (que acaba de gravar um disco de covers do Roberto Carlos), por exemplo, não querem mais estar ligados ao rock. Agora com certa razão até, são MPB no sentido mais separatista da sigla. Apesar do passado...
Neste contexto temos no baiano Teago Oliveira uma das caras novas do rock brasileiro.

Nova?
Sim e não.
Não. Por conta de sua banda, a Maglore, onde canta, compõe e toca guitarra.
O grupo já comemorou dez anos de atividades que incluem quatro discos de estúdio e um ao vivo, mas pelos motivos lá…